Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

100% Tracção

Aqui falamos das tendências no sector da maquinaria para agricultura e para floresta. É o propósito desta plataforma abolsamia.

100% Tracção

Aqui falamos das tendências no sector da maquinaria para agricultura e para floresta. É o propósito desta plataforma abolsamia.

Claas investe nos equipamentos para forragem

IMG_7973.JPG

Visitámos as instalações da Claas em Bad Saulgau, onde a marca produz os seus equipamentos destinados à recolha de forragem. Ficámos a conhecer o perfil de uma fábrica que está a admitir jovens técnicos e a elevar a um novo patamar o aperfeiçoamento e a automatização nas alfaias deste segmento.

 

É em Bad Saulgau, na Alta Suábia, uma região de extensos campos agrícolas no Sul da Alemanha, que a Claas produz os seus equipamentos da ‘linha verde’. Estamos a falar das gadanheiras Disco, dos volta-fenos Volto, dos encordoadores Liner, dos reboques auto-carregadores de forragem Cargos e Quantum, e ainda de uma série de acessórios para as automotrizes Jaguar.

 

A Claas está em Bad Saulgau desde 1969, ano em que comprou o fabricante local Bautz, que aí produzia enfardadeiras. Muita coisa mudou desde essa altura. As instalações foram expandidas, têm vindo continuamente a ser modernizadas e os equipamentos forrageiros integram hoje soluções hi-tech.

IMG_7891 (1).JPG

Os novos painéis de controlo das gadanheiras Disco.

 

Preocupação com os detalhes

No decorrer da visita que abolsamia fez a esta fábrica a convite da Claas, por ocasião do lançamento dos novos Arion 400 e Elios 200, os técnicos mostraram-nos uma série de novos aperfeiçoamentos introduzidos nos equipamentos que aí são desenvolvidos.

Toda essa evolução resulta de terem ouvido sugestões de clientes e de terem detetado zonas de desgaste em alfaias com muitas horas de uso. Por vezes são apenas alterações mínimas que mostram um cuidado levado ao detalhe. Exemplo: as tubagens hidráulicas passam a ter uma pega, com um rebordo que impede o óleo de escorrer para as mãos, e cor diferenciada consoante a sua função.

Foto pequena - pegas.jpg

Os tubos hidráulicos passam a ter uma pega com cor diferenciada e rebordo que evita o escorrimento de óleo. 

 

Uma fábrica em expansão

Nos últimos três anos, a Claas investiu cerca de 20 milhões de euros em Bad Saulgau. A criação de um novo centro de desenvolvimento de produtos foi um dos destinos do investimento. É aí que são concebidos os projetos preliminares de novas alfaias, é também aí que são fabricados os primeiros protótipos e onde no final do processo estes são validados.

Este departamento recebeu novas máquinas de teste servo-hidráulicas que permitem simular em banco de ensaio o esforço a que as alfaias estão sujeitas no campo. Depois são também feitos testes reais, o que permite detetar falhas desde muito cedo e corrigi-las. A Claas expandiu também os pavilhões de linha de montagem de modo a fabricar ‘em casa’ as novas barras de corte Max Cut que equipam as gadanheiras Disco.

IMG_7965.JPG

Apesar de muitos processos serem automatizados, surpreendeu-nos a quantidade de tarefas que são executadas e verificadas manualmente pelos operários.

 

Centro de estágios técnicos

Outro destino dos investimentos foi a completa renovação do centro de estágios. Este departamento acolhe jovens que recebem formação técnica e que são integrados na empresa após três anos e meio de aprendizagem. Questionámos um dos estagiários, Jürgen Märkle, por que motivo escolheu a Claas. Disse-nos que foi por o estágio ser remunerado, por assegurar o início de uma carreira, mas também pelo prestígio da marca. “Cresci no campo a ver as máquinas da Claas que são muito conhecidas”, explicou.

Foto peq Jürgen Märkle.JPG

Jürgen Märkle fala à revista abolsamia acerca da sua experiência como estagiário na Claas.   

 

Automatização trator-implementos

Além das linhas de montagem de onde saem 180 máquinas por dia, em Bad Saulgau está também localizado um centro de excelência dedicado à automatização trator-implementos, uma área em que deverão surgir importantes inovações num futuro próximo.

Algumas alfaias da Claas, como os reboques auto-carregadores Cargos e as enfardadeiras Quadrant, estão a ser equipados com funções telemáticas próprias (TONI – Telematics on Implements) capazes de documentar e otimizar o seu funcionamento. Estes serão emparelhados através de ISOBUS com um trator que também possua funções telemáticas.

IMG_7907.JPG

Os reboques auto-carregadores Cargos são fabricados em Bad Saulgau.  

 

De modo a assegurar que estes sistemas estão amplamente disponíveis em breve, a marca está a cooperar com outros fabricantes como a Amazone, a Grimme, a Horsch e a Lemken. A fábrica de Bad Saulgau ocupa uma área total de 17 ha, dos quais 80% é área coberta, e emprega atualmente 550 funcionários.

 

Google Analytics

Copyright

O conteúdo total do blog 100% TRAÇÃO (textos, fotografias, gráficos, etc.) é propriedade única e exclusiva da NUGON, LDA, e não podem ser reproduzidos sem autorização da mesma.